hormônio intestinal secretina gordura marrom

Secretina e a gordura marrom avisam o cérebro a parar de comer

Pesquisadores da Alemanha e da Finlândia mostraram que a chamada “gordura marrom” interage com a secretina, um hormônio intestinal, em camundongos para transmitir sinais nutricionais da saciedade para cérebro durante uma refeição. O estudo, publicado em 15 de novembro na revista Cell, reforça nossa compreensão de um papel há muito suspeitado do tecido adiposo marrom …

Secretina e a gordura marrom avisam o cérebro a parar de comer Leia mais »