Posso amamentar depois de ter colocado implante de silicone?

Posso amamentar depois de ter colocado implante de silicone?

Só porque você opta por aumentar o tamanho e a forma dos seus seios, não significa que você não pode ou não deve amamentar. Certo?

Evidências científicas mostraram que a amamentação tem muitos efeitos benéficos para a criança e a mãe que amamenta. As vantagens para a criança amamentada incluem proteção contra infecções, obesidade e diabetes e maior inteligência. Para a mãe, a amamentação a alimentação pode proteger contra câncer de mama, câncer de ovário e diabetes tipo 2.

Um estudo recente publicado no Aesthetic Surgery Journal descobriu que a maioria das mulheres que colocaram implante de silicone nas mamas e teve um bebê dentro de cinco anos não teve problemas para amamentar, mesmo com seus implantes.

O estudo analisou mais de 3500 mulheres submetidas a aumento de mama com implantes de mama. A conclusão foi que o aumento da mama não atrapalhou a amamentação durante o estudo.

Embora os efeitos do aumento dos seios na amamentação sejam certamente uma preocupação teórica, é altamente improvável que um aumento sozinho (sem mastopexia) prejudique a capacidade da mulher de amamentar. As chances de um problema acontecer com a amamentação também podem depender da maneira como os implantes são colocados. Basicamente, qualquer procedimento cirúrgico na mama pode afetar potencialmente a amamentação e, às vezes, há razões pelas quais não entendemos.

Em alguns pacientes, o alongamento do tecido mamário e dos dutos de leite, ou outros traumas ocorridos durante ou após a cirurgia nessas partes da mama, podem levar a problemas no futuro. Isso pode ser verdade nos casos em que os implantes são colocados através de uma incisão ao redor do mamilo. Além disso, em pacientes com mamilos pequenos ou curtos que recebem implantes grandes, a projeção do mamilo pode ser afetada e pode não haver tensão suficiente na mama, impedindo que o bebê possa se agarrar adequadamente.

O ponto principal é que, embora sempre discutamos os riscos da cirurgia de mama, na realidade, quando estudamos a incidência real de problemas de amamentação após o aumento da mama, não parece haver nenhum mais comum do que naqueles sem implantes.

A maioria das pacientes submetidas à cirurgia de mama entrevistadas no estudo foi capaz de amamentar com sucesso seus bebês sem complicações. Quaisquer complicações na lactação encontradas foram semelhantes entre os grupos silicone e soro fisiológico, independentemente do tipo de incisão, localização do implante, tamanho do implante ou idade. A incidência de complicações na lactação para mulheres com implantes foi comparável às complicações relatadas pela população geral de mulheres que amamentam com ou sem implantes.

Fonte: Lactation Outcomes in More Than 3500 Women Following Primary Augmentation: 5-Year Data From the Breast Implant Follow-Up Study 

Flávia Pacheco é Médica Cirurgiã Plástica membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, formada em Medicina e cirurgia geral pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) e pós-graduada em Cirurgia Plástica pelo Serviço de Cirurgia Plástica Dr. Ewaldo Bolivar. CRM-SP 146.283